FISIOTERAPIA NA RUPTURA DO LIGAMENTO CRUZADO ANTERIOR: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA

Autores

  • Julianna Lyssa de Azevedo de Sousa
  • Laura Cristina Lobato Epifane
  • Camilly Victoria Silva de Sousa
  • Ariane Farias Pinheiro
  • Maria Eduarda Sousa de Oliveira
  • Anna Luisa Vilhena Oliveira
  • Susanne Cristina Brito e Silva
  • Giselle Almeida Couceiro

DOI:

https://doi.org/10.36692/V16N1-7

Resumo

Introdução: A lesão no ligamento cruzado anterior é comumente recorrente em pessoas fisicamente ativas, portanto, a intervenção fisioterapêutica é a chave para alcançar resultados notáveis no tratamento dessa condição. Objetivo: Relatar a experiência de uma visita a uma Clínica de Fisioterapia e compartilhar as observações e aprendizados. Materiais e Métodos: Trata-se de um estudo descritivo do tipo relato de experiência, da qual foi realizada uma visita à Clínica Ortopédica Esportiva e Pilates (COEPHYSIO), baseando-se na vivência durante um determinado tempo no local, juntamente com um fisioterapeuta guiando as acadêmicas. Descrição da Experiência: Durante a visita, foram exploradas as áreas de Fisioterapia Esportiva e Fisioterapia Traumato-Ortopédica. Além disso, foi realizado o acompanhamento de um paciente em fase pós-operatória de uma ruptura do ligamento cruzado anterior, decorrente de uma lesão sem contato físico direto. Foram feitas perguntas ao profissional sobre a natureza da lesão e discutidas medidas apropriadas para impulsionar a recuperação do paciente, dentre essas intervenções, a Estimulação Elétrica Nervosa Transcutânea (TENS) e o Alongamento Passivo foram mencionados. Considerações Finais: A Fisioterapia Traumato-ortopédica, visa tratar e reabilitar problemas musculoesqueléticos, como lesões, incluindo os casos de ruptura do ligamento cruzado anterior (LCA) para promover a recuperação gradual dos indivíduos que são acometidos por essas complicações.

Downloads

Publicado

2024-02-01

Edição

Seção

Artigo Original